Transtorno Afetivo Bipolar

Transtorno Afetivo Bipolar

 

No transtorno bipolar o indivíduo pode apresentar tanto períodos de crises depressivas francas, caracterizadas pela lentidão dos movimentos, tristeza, angustia e desanimo, como períodos de crises de euforia, em que fica acelerado, eufórico, impulsivo com o senso crítico prejudicado algumas vezes apresentando delírios e alucinações.

Em alguns casos o transtorno é bem mais difícil de ser diagnosticado, necessitando uma avaliação médica muito criteriosa, pois as manifestações não são tão facilmente observáveis, apesar de causarem grande prejuízo funcional a pessoa.

O tratamento do TAB envolve medicações que estabilizam o humor, dificultando que o mesmo fique polarizado para a euforia ou para a depressão.

Transtorno Afetivo Bipolar

 

No transtorno bipolar o indivíduo pode apresentar tanto períodos de crises depressivas francas, caracterizadas pela lentidão dos movimentos, tristeza, angustia e desanimo, como períodos de crises de euforia, em que fica acelerado, eufórico, impulsivo com o senso crítico prejudicado algumas vezes apresentando delírios e alucinações.

Em alguns casos o transtorno é bem mais difícil de ser diagnosticado, necessitando uma avaliação médica muito criteriosa, pois as manifestações não são tão facilmente observáveis, apesar de causarem grande prejuízo funcional a pessoa.

O tratamento do TAB envolve medicações que estabilizam o humor, dificultando que o mesmo fique polarizado para a euforia ou para a depressão.