Você bateu o carro e uma carga de adrenalina espalhou-se pelo seu corpo no momento do acidente. Você pensa em tudo o que tem de fazer para resolver esse problema e faz o que é possível naquele momento. Quando chega em casa a noite para dormir, não consegue. Seu corpo está cansado, mas sua mente não para, não desliga, e você não consegue dormir.

Essa situação pode acontecer com qualquer pessoa. Após um evento traumático ou qualquer outro que façam liberar os hormônios referentes ao estresse e ansiedade – como o cortisol e a adrenalina – é normal que o corpo e a mente fiquem em estado de alerta e não consigam relaxar, mesmo após horas do ocorrido. Os processos que levam ao restabelecimento mental podem ser lentos e dificultar as funções orgânicas normais como o sono. Até mesmo porque, no caso de uma batida de carro, há uma série de fatores que devem ser pensados para que o problema seja resolvido.

No entanto, quando situações de privação de sono, falta de relaxamento, mente acelerada e agitação começam a ser constantes, por várias e várias noites e por qualquer motivo, é sinal de que algo está errado. Nesse caso, uma investigação e um tratamento são necessários.

Um problema que pode levar a outros vários

Todo mundo sabe das consequências de uma noite mal dormida. O dia seguinte tende a ser péssimo, com muita sonolência, falta de concentração e, também de mau-humor. Imagine se esses episódios estendem-se por noites e noites. As consequências para a saúde podem ser devastadoras. A insônia pode, inclusive levar à depressão.

Man yawning Free Photo

Agora que você já sabe que noites mal dormidas ou em claro em recorrência caracterizam insônia, é hora de buscar a ajuda de um profissional. Um psiquiatra é o médico mais capacitado para tratar a insônia. Ele prescreverá medicamentos que auxiliem o paciente a entrar em um estado de relaxamento maior e conseguir dormir. Além disso, indicará mudanças de hábitos e condutas a fim de prevenir que os gatilhos da insônia sejam acionados de novo.

Tratar a insônia não é ficar dependente de remédios

É importante ressaltar que o objetivo do tratamento da insônia jamais é fazer com que o paciente dependa de medicamentos para conseguir dormir, muito pelo contrário. O objetivo é, em um primeiro momento, proporcionar o conforto de boas noites de sono enquanto se tratam as causas da insônia em concomitância. Então, o medicamento não será mais necessário e o paciente poderá restabelecer sua capacidade normal de sono.

Tratar a insônia é fundamental para que ela não evolua para quadros ainda mais graves, como uma depressão ou um quadro de ansiedade generalizada. Também é importante perceber que a insônia pode ser causada em virtude, justamente, desses dois problemas citados. Por isso é tão importante a ajuda de um profissional, para que o diagnóstico seja correto e contribua para uma manutenção da qualidade de vida do paciente.

O uso indiscriminado de substâncias ou medicamentos para dormir, sem a supervisão de um profissional, é extremamente prejudicial à saúde. Por isso, ao perceber que as noites de insônia são frequentes, procure a ajuda de um profissional antes de ingerir medicamentos indicados por terceiros por conta própria.

Podemos ajudar você no combate à insônia

A Psiquiatria Paulista quer ajuda você a ficar mais tranquilo e com melhores noites de sono. Fale com a nossa equipe para saber como você deve proceder para agendar sua consulta e começar a ter mais qualidade de vida. Invista na sua saúde!

Você bateu o carro e uma carga de adrenalina espalhou-se pelo seu corpo no momento do acidente. Você pensa em tudo o que tem de fazer para resolver esse problema e faz o que é possível naquele momento. Quando chega em casa a noite para dormir, não consegue. Seu corpo está cansado, mas sua mente não para, não desliga, e você não consegue dormir.

Essa situação pode acontecer com qualquer pessoa. Após um evento traumático ou qualquer outro que façam liberar os hormônios referentes ao estresse e ansiedade – como o cortisol e a adrenalina – é normal que o corpo e a mente fiquem em estado de alerta e não consigam relaxar, mesmo após horas do ocorrido. Os processos que levam ao restabelecimento mental podem ser lentos e dificultar as funções orgânicas normais como o sono. Até mesmo porque, no caso de uma batida de carro, há uma série de fatores que devem ser pensados para que o problema seja resolvido.

No entanto, quando situações de privação de sono, falta de relaxamento, mente acelerada e agitação começam a ser constantes, por várias e várias noites e por qualquer motivo, é sinal de que algo está errado. Nesse caso, uma investigação e um tratamento são necessários.

Um problema que pode levar a outros vários

Todo mundo sabe das consequências de uma noite mal dormida. O dia seguinte tende a ser péssimo, com muita sonolência, falta de concentração e, também de mau-humor. Imagine se esses episódios estendem-se por noites e noites. As consequências para a saúde podem ser devastadoras. A insônia pode, inclusive levar à depressão.

Man yawning Free Photo

Agora que você já sabe que noites mal dormidas ou em claro em recorrência caracterizam insônia, é hora de buscar a ajuda de um profissional. Um psiquiatra é o médico mais capacitado para tratar a insônia. Ele prescreverá medicamentos que auxiliem o paciente a entrar em um estado de relaxamento maior e conseguir dormir. Além disso, indicará mudanças de hábitos e condutas a fim de prevenir que os gatilhos da insônia sejam acionados de novo.

Tratar a insônia não é ficar dependente de remédios

É importante ressaltar que o objetivo do tratamento da insônia jamais é fazer com que o paciente dependa de medicamentos para conseguir dormir, muito pelo contrário. O objetivo é, em um primeiro momento, proporcionar o conforto de boas noites de sono enquanto se tratam as causas da insônia em concomitância. Então, o medicamento não será mais necessário e o paciente poderá restabelecer sua capacidade normal de sono.

Tratar a insônia é fundamental para que ela não evolua para quadros ainda mais graves, como uma depressão ou um quadro de ansiedade generalizada. Também é importante perceber que a insônia pode ser causada em virtude, justamente, desses dois problemas citados. Por isso é tão importante a ajuda de um profissional, para que o diagnóstico seja correto e contribua para uma manutenção da qualidade de vida do paciente.

O uso indiscriminado de substâncias ou medicamentos para dormir, sem a supervisão de um profissional, é extremamente prejudicial à saúde. Por isso, ao perceber que as noites de insônia são frequentes, procure a ajuda de um profissional antes de ingerir medicamentos indicados por terceiros por conta própria.

Podemos ajudar você no combate à insônia

A Psiquiatria Paulista quer ajuda você a ficar mais tranquilo e com melhores noites de sono. Fale com a nossa equipe para saber como você deve proceder para agendar sua consulta e começar a ter mais qualidade de vida. Invista na sua saúde!


WhatsApp chat