Principais sintomas da Ansiedade Generalizada

Principais sintomas da Ansiedade Generalizada

Um relatório publicado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em fevereiro deste ano aponta que o Brasil tem a maior taxa de pessoas com transtornos de ansiedade no mundo. Estima-se que 9,3% da população brasileira seja afetada por estes distúrbios. Mas e você, sabe o que é ansiedade?

De forma geral, a ansiedade é uma reação normal do ser humano diante de situações que podem provocar medo, dúvida ou expectativa. Porém, quando exacerbada e repentina, ou seja, em momentos sem um risco real, ou quando é até mesmo desproporcional à situação momentânea, ela pode ser considerada uma patologia, tornando-se um sentimento vago e desagradável, que gera medo, apreensão, tensão ou desconforto, derivado de antecipação de perigo de algo desconhecido ou estranho.

O TAG (Transtorno da Ansiedade Generalizada) é um tipo mais amplo da ansiedade, que, segundo o DSM.IV (Manual de Classificação de Doenças Mentais) caracteriza-se pela “expectativa apreensiva e preocupação excessiva”. O transtorno costuma ser de difícil controle, perdurar por no mínimo seis meses, além de vir acompanhado por sintomas como:

  • Inquietação;
  • Fadiga;
  • Irritabilidade;
  • Dificuldade de concentração;
  • Cansaço;
  • Tensão muscular;
  • Alteração no sono.

Então a Ansiedade Generalizada pode ser considerada mais prejudicial do que os outros tipos?

Na verdade, ela é classificada como menos intensa do que o Ataque de Pânico, no entanto mais duradoura, gerando um estado de hipervigilância, sentimento de medo e inquietação que pode afetar diretamente a qualidade de vida e até mesmo o desempenho familiar, social e profissional dos pacientes.

O TAG pode se manifestar em pessoas de todas as idades, desde a infância até a velhice, por isso o diagnóstico levará em consideração a história de vida do paciente, bem como uma avaliação clínica criteriosa e, dependendo do caso, a realização de exames complementares. É importante enfatizar que os sintomas podem ser comuns, entretanto inseridos a condições clínicas distintas, em função disso, a ajuda profissional é imprescindível.

Há alguns métodos para o tratamento da Ansiedade Generalizada, que tem a finalidade de ajudar o paciente a ter um cotidiano normal, principalmente limitando suas preocupações. A Terapia Cognitivo-Comportamental, que auxilia na compreensão dos comportamentos e como conseguir controlá-los, juntamente com medicamentos sob prescrição médica, por exemplo, podem ter um resultado superior, comparando-se a uma técnica ou outra isoladamente.

Ainda não há formas comprovadamente efetivas para prevenir o Transtorno de Ansiedade Generalizada, contudo, fazer o uso excessivo de álcool, cigarro, cafeína e drogas ilícitas, pode contribuir expressivamente para o agravamento da patologia. Portanto, se você apresenta algum desses sintomas busque auxílio. A Psiquiatria Paulista possui profissionais dispostos a te ajudar.

 

Referências

Depression and Other Common Mental Disorders – Global Health Estimates. OMS, 2017.

DSM-V – American Psychiatric Association – Manual de Diagnóstico e Estatístico de Distúrbios Mentais 5ª Ed.

TAG (Transtorno da Ansiedade Generalizada) – Drauzio Varella

Sites:

http://www.sbie.com.br/blog/conheca-o-transtorno-de-ansiedade-generalizada-tag-e-como-identificar-os-sintomas/

http://www.escolapsicologia.com/transtorno-de-ansiedade-generalizada-sintomas-causas-e-tratamento/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

#main-content .dfd-content-wrap {margin: 0px;} #main-content .dfd-content-wrap > article {padding: 0px;}@media only screen and (min-width: 1101px) {#layout.dfd-portfolio-loop > .row.full-width > .blog-section.no-sidebars,#layout.dfd-gallery-loop > .row.full-width > .blog-section.no-sidebars {padding: 0 0px;}#layout.dfd-portfolio-loop > .row.full-width > .blog-section.no-sidebars > #main-content > .dfd-content-wrap:first-child,#layout.dfd-gallery-loop > .row.full-width > .blog-section.no-sidebars > #main-content > .dfd-content-wrap:first-child {border-top: 0px solid transparent; border-bottom: 0px solid transparent;}#layout.dfd-portfolio-loop > .row.full-width #right-sidebar,#layout.dfd-gallery-loop > .row.full-width #right-sidebar {padding-top: 0px;padding-bottom: 0px;}#layout.dfd-portfolio-loop > .row.full-width > .blog-section.no-sidebars .sort-panel,#layout.dfd-gallery-loop > .row.full-width > .blog-section.no-sidebars .sort-panel {margin-left: -0px;margin-right: -0px;}}#layout .dfd-content-wrap.layout-side-image,#layout > .row.full-width .dfd-content-wrap.layout-side-image {margin-left: 0;margin-right: 0;} Agendar consulta